sábado, 2 de julho de 2011

Sobre mudanças...

Não é só a língua que muda com o tempo. A vida muda... E ela muda demais. Nossos amigos mudam, porque escolhemos caminhos que não se encontram e, nesses desencontros, surgem novos amigos que vão preenchendo a falta dos antigos. Não é que eles deixem de ser amigos, mas é que a distância enfraquece o vínculo que uma vez se teve e a sua vida segue, muda, se movimenta velozmente... Mas quando olho pra trás vejo boas lembranças, porque tudo o que não foi bom eu já esqueci. É fácil olhar em seus olhos agora, é fácil perdoar, porque hoje tenho uma nova vida com momentos e pessoas que preenchem o vazio que foi deixado no passado.