sexta-feira, 1 de julho de 2011

Menina de asas...

"Que menina levada, anda de nuvem em nuvem, parece perdida. Quando acha o lugar para descansar, logo vê uma borboleta e voa ao encontro dela. Menina de asas, abra o coração! Voa…voa… parece sem direção. Todos pensam que essa menina vive na plena solidão, atirada nos livros com as asas cortadas no chão. 
Muito se enganam, agora mais do que nunca a menina sabe onde pousar, ela achou uma flor para descansar. Só não quer ficar presa, quer circular de nuvem em nuvem e poder naquela flor aprender a amar."

Alexandre Martins

* Apaixone-se pela amada literatura: http://alefmartins.tumblr.com/