terça-feira, 10 de maio de 2011

O EU OPRIMIDO...

"Já é tempo do meu coração não se comover
porque aos outros já deixei de emocionar
mas embora eu não possa ser amado
que possa pelo menos amar."

Lord Byron