sexta-feira, 20 de maio de 2011

A grande mentira...

Pois é, eis que me encontro em uma situação bem inusitada. A menina mais desastrada, sem coordenação motora e que tem uma incrível dificuldade de distinguir o lado esquerdo do lado direito está fazendo teatro. Logo eu! Por que, Junie? Ah, vontade de fazer algo diferente. E põe diferente nisso! Vida de atriz não é fácil. Atuar é contar uma mentira que parece verdade. Pensam que é fácil? Talvez, até pode ser para  uma pessoa que vive contando mentiras, mas, para mim, isso é bem complicado. Não, eu não costumo mentir e é mais complicado ainda esconder o que eu sinto e fingir que estou sentindo outra coisa. 
Não estou reclamando, pois adoro o Drama Club (sim, é em inglês). Só estou constatando fatos about me. Aprender a expressar-me melhor foi um dos grandes motivos que me levaram a escolher esta atividade extra-curricular, mas isso não é uma tarefa tão simples. Medos, vergonha e pensamentos do tipo "o que vão pensar de mim" são fatores que atrapalham MUITO qualquer pessoa. Quando as aulas do Drama Club começaram, eu descobri que tenho muitas dificuldades que estão relacionadas a esses fatores. E uma coisa que me deixa mais angustiada é não poder conversar sobre isso. Afinal, quem está interessado nos problemas alheios? Ainda mais nos psicológicos!